Foi em uma certa tarde de verão, que tudo aconteceu...
A doce menina caminhava alegremente , atenciosa e cantando, quando parou diante
de uma cena tão triste... Seus olhinhos avistaram um lindo pássaro ferido, as asas quebradas
o impediam de voar... Estava imóvel, quase sem vida... Então aquela criança o envolveu em 
seus braços, e levou-o para casa...
Cuidou dele com todo amor e carinho que poderia oferecer...  O acomodou em uma gaiola, até que ele se curasse...
E durante muitos, muitos dias, ela se dedicou ao pássaro da maneira mais generosa que poderia existir, dedicou a ele boa parte de seus dias...  Até que ele se curou...
 Certo dia...O pai, curioso ao ver a filha sentada em uma pedra, olhando fixamente para o céu...
Pergunta-lhe:
-Filha! por que choras tanto? 
A filha sem nada dizer continua a olhar o céu azul...
Então o pai percebendo o que havia acontecido, pergunta-lhe...
Acaso foi esta a recompensa que recebera, depois de tanta dedicação, carinho e amor?
A filha já banhada em lágrimas, olha para o pai e diz:
As lágrimas são de saudade papai... saudade eu sempre vou sentir, afinal enquanto eu cuidava dele, ele me fazia companhia...
E a recompensa papai, olhe para o céu... 
O pai olhou, e pôde ver o pássaro voando, curado, cantando... podia perfeitamente perceber sua alegria...
Ela emocionada o abraçou, e concluiu...
Esta é a minha recompensa... 




Por: Tânia Vaz
Despedida?
Porque não consigo sentir que terminou?
E ao tê-lo em meus braços, senti que não seria a última vez...
Embora devesse ser...
Aventura?
Porque então faz meu coração vibrar?
Uma aventura vem e passa, mas o que sinto é bem mais que isso...
Pode então ser um sonho, daqueles perfeitos, daqueles
que você acorda antes do fim... e fica sem saber o que aconteceria depois...
É nisso que acredito... não sei o que está por vir, as visões me fogem...
Mas como é bom sentir seu cheiro, seu abraço, seu carinho...
Despedida então? Será mesmo?
De tudo só me resta uma certeza...
Nossos caminhos ainda vão se cruzar... talvez haja um fim,
mas posso afirmar, não é agora!
Hoje você não está ao meu lado... mas...
Seus passos novamente encontrarão meu chão...
E assim vou seguindo, buscando meus sonhos
Enfrentando meu destino...
E se caminho com cuidado, sem rumo, é porque
o amanhã... nunca se sabe!




Por: Tânia Vaz
Eu que não fumo, queria um cigarro
Eu que não amo você
Envelheci dez anos ou mais
Nesse último mês.
Eu que não bebo, pedi um conhaque
Pra enfrentar o inverno
Que entra pela porta
Que você deixou aberta ao sair...

O certo é que eu dancei sem querer dançar
E agora já nem sei qual é o meu lugar... 


Engenheiros do Hawaii...
Enfim, havia chegado o momento, havia chegado a hora...
Tudo foi tomando forma... como um desenho feito pelo destino...
Destino este, que separou os caminhos do amor... e no seu tempo
os uniu, entrelaçou o que não mais poderia ser um só...
A tristeza daquela que ficou, resplandecia em sua face... 
Tentava esconder a dor... mas o sorriso perdeu o encanto...
O olhar perdeu o brilho...
O sol perdeu a luz... 
Os passos desapareceram em seu chão...
A calma, deu lugar ao desespero...
A compreensão fora dominada pelo medo...
E a saudade... ah! a inimiga perversa, essa jamais abandonaria...
Então o que restou? 
Um espaço vazio, onde o amor pulsava...
Um espaço que jamais será preenchido... vago! 
E mais uma vez o "senhor destino", é quem dita as regras...
Seja como for, da maneira que for...
Em um piscar de olhos, ou num passe de mágica...
Tudo muda, tudo se transforma!




Por: Tânia Vaz
Um turbilhão de sentimentos indefiníveis toma conta de mim...
Tento entender o que está havendo, mas a explicação me foge...
Me sinto ao mesmo tempo, triste e feliz... decidida e confusa...
Essa dor que invade minha alma... não consigo mais conter...
Quanto de você, ainda resta em meu coração?
Quanta saudade ainda terei que suportar?
Quando poderei admitir que existe mais de você em mim... do que é permitido,
E esse medo de perder, que me atormenta... terá fim algum dia?
E quando fores embora... Saberei ser feliz sem ti?
E a cada dia mais, sua falta se faz presente em minha memória...
Lembro-me de cada gesto, cada sorriso, cada toque que me envolveu,
desde o dia em que nossos olhares se cruzaram pela primeira vez...
Não me esqueço do primeiro beijo, o beijo tão esperado...Acompanhado 
por um abraço forte... A felicidade que foi tê-lo ao meu lado, por tantos dias...
Hoje eu só queria quebrar as regras... deixar a moral de lado... Ser imprudente...
Ceder as minhas loucuras, desejos...
E ir correndo até você, te abraçar bem forte, te beijar loucamente...
Te encher de carinhos, percorrer seu corpo todo com meu dedos, Te amar...

E enfim! dormir novamente em seus braços... sem pensar em mais nada...

Nem que seja pela última vez...
Sim! A última vez!!!




Por: Tânia Vaz



Ela tinha sonhos... sonhos que se realizavam no dia seguinte... ao acordar....
Ela tinha pressentimentos... que lhes perseguiam como uma sombra...
Ela podia sentir as alegrias ou tristezas que viriam....
Mas de nada adiantava, pois nada ela poderia evitar...
Não poderia evitar as lágrimas...
Não poderia evitar as brigas...
Não poderia evitar as dores...
Não poderia evitar uma separação...
Não poderia evitar o adeus...
Ela! que sabia de tantas coisas... 
Demorou tanto a perceber, que não poderia evitar seu destino!!!




Por: Tânia Vaz



Hoje estou com tanto medo...
Preciso dizer que achei que estava pronta...
Mas confesso, que tremi, diante do inesperado...
Preciso dizer que as lágrimas me banharam a face esta noite...
Revelando minha secreta covardia...
Devo confessar que o coração está apertado...
Tentando adivinhar qual será seu próximo passo...
Preciso dizer que você é minha luz...
E que não saberei caminhar sozinha no escuro...
Devo confessar que as mudanças me assustam...
E que não consigo pensar em outra coisa...
Preciso dizer, por favor! não se perca de mim...
Talvez eu não saiba mais como encontrá-lo...
Devo confessar que já não sei viver sem você...
Preciso dizer que te amo!




Por: Tânia  Vaz
Então longe de mim, você seguiu seu caminho...
tantas loucuras, tantas tentativas, tantas idas e vindas...
Tantas esperanças...tantos desejos... e nada restou...
Nada restou daquele amor tão lindo, tão doce...
Nada!!! Mas acabei por conseguir o que parecia impossível...
Consegui perder seu carinho, e seu respeito...
Vi sua voz de veludo pronunciar palavras tão duras...
Vi em seus olhos sinceros, um sentimento que não reconheci...
Era ódio, mágoa.. ou talvez desprezo...
Mas seja o que for... não acredito que era você...
Não posso acreditar que me deseje tanto mal...
Será que te feri tanto assim?  
Espero que um dia você possa me perdoar...
Cometi tantos erros, alguns pelos quais daria uma vida
para consertá-los...
Contudo, posso afirmar que sua felicidade me alegra...
Não estou sendo hipócrita, somente sincera como sempre fui,
Que bom que você pôde encontrar em outros braços...
O amor que entre nós não viveu!




Por: Tânia Vaz
"Sou forte. Meio doce e meio ácida. Em alguns dias acho que sou fraca. E boba. Preciso de um lugar onde enfiar a cara pra esconder as lágrimas. Aí penso que não sou assim tão forte, e começo a me olhar... Sou forte sim! mas também choro. Sou gente. Sou humana. Sou manhosa e carinhosa...Temperamental e um pouco curiosa... Sou verdadeira e amável  ao extremo, posso dar minha vida por aqueles a quem eu quero bem... Sou assim... Quero que as coisas aconteçam já, logo, de uma vez. Quero que meus erros não me impeçam de continuar olhando para a frente. E quero continuar errando, pois jamais serei perfeita (ainda bem!). Tampouco quero ser comum e normal. Quero ser simplesmente eu. Quero rir, sorrir, chorar e amar...Sentir friozinho na barriga, nó no peito, tremedeira nas pernas, raiva, paixão, ciúmes... Sentir que as coisas funcionam e que tenho que trocar de jeito quando insisto em algo que não dá resultado. Quero aprender e, ainda assim, continuar criança... Fazer caretas, mostrar a língua, abraçar bem forte... Ficar no sol e sentir o vento gelado no nariz. Quero sentir cheiro de grama cortada e café passado. Cheiro de chuva, de flor, cheiro de vida. Aprecio as coisas simples e quero continuar descomplicando o que parece complicado. Se der pra resolver, vamos lá! Se não dá, deixa pra lá. A vida não é complicada e nem difícil, tudo depende de como a gente encara e se impõe. Quero ser eu, com minha cara azeda ou absurdamente açucarada. Não quero saber tudo e nem ser racional. Quero continuar mantendo o meu cérebro no lugar onde ele se encontra: meu coração. E essa é a melhor parte de mim."




Autora: Clarice Correa, e adaptado por Tânia Vaz.
Te quero menino... sinto isso cada vez mais forte...
Te quero de todas as maneiras que se pode desejar alguém...
Te desejo de todas as maneiras que se pode querer alguém...
Te quero todas as noites, e também todas as manhãs...
Mas se me pedisse pra explicar o que sinto, eu não saberia o que dizer...
Porque quando estou em seus braços, tudo o que faço é fechar os olhos,
e desejar que este momento nunca acabe...
Tento guardar todos os detalhes para recordar no dia seguinte...
Tento absorver todo seu perfume, para que seu cheiro fique em mim...
Tento te sentir de todas as formas, para acreditar que é real...
Tento te beijar ao máximo, para lembrar do teu gosto...
Tento te tocar incansavelmente, para levar um pouco de você comigo...
Tento te olhar fixamente para ler seus pensamentos...
Tento não dormir, para não perder nenhum momento mágico...
Tento dizer tantas coisas, mas acabo sempre por sorrir apenas...
Ah! se eu ousasse contar-lhe!




"When their hands touch my body, feel a profane and inordinate desire" ...





Por: Tânia Vaz
"Ele" !... é tão difícil falar dele, e ao mesmo tempo tão fácil...
Homem digno, simples e honesto... E outras
tantas qualidades que não poderia neste espaço descrever...
Havia nele algo sublime, difícil de explicar...
Mas impossível não sentir... não perceber...
Aqueles olhos pequenos, de um castanho brilhante...
Cheio de amor, de bondade...capaz de acalmar qualquer humano...
Homem de fé... daquelas que admito, difícil de existir...
Homem de palavra, aquele em quem eu sempre pude confiar...
Homem de força... do seu trabalho, vinha o sustento da alma...
Homem de garra, nunca o vi de nada reclamar, muito
menos de algo desistir...
Para mim, um Verdadeiro anjo de Deus na terra...
Quem o conheceu pode comprovar o que eu digo, pessoa melhor nunca existiu... 
Mas como tudo em nossa  vida, tem seu momento
determinado, em um certo amanhecer, aqueles olhos perderam seu brilho;
Sua face pálida, sem expressão, fizeram meu mundo desabar...
Confesso a todos, dor igual nunca senti...
Havia ido embora aquele Homem que me deu a vida,
E por quem eu teria de bom grado lhe dado a minha...
Muitas vezes choro, choro de saudade...
Mas olho para o céu e agradeço a Deus...
Por ter me dado o pai mais lindo e perfeito que o mundo já viu!




Por: Tânia Vaz
O que fazer quando a tristeza atormenta a alma?
O que fazer quando as lágrimas percorrem nossa face?
O que fazer quando a saudade nos domina?
O que fazer quando perdemos nossa "luz"?
O que fazer quando o ciúme nos corrói?
O que fazer quando alguem especial se vai?
O que fazer com a distância que separa?
O que fazer com o sentimento sufocado?
O que fazer com a paixão que nos perturba,
Com a dor que nos machuca?
O que fazer... com o Amor que nos destrói???
Eu preciso saber, alguém pode me dizer?




Por:Tânia Vaz
                                                                                                                                                                          
Tenho um amor fresco, e com gosto de chuvas, e raios e urgências...
Tenho um amor que me veio pronto, assim, água que caiu de repente...
Nuvem que não passa... me escorrem desejos pelo rosto pelo corpo...
Um amor susto. um amor raio trovão fazendo barulho... me bagunça...
 E chove em mim todos os dias"!!!
Hoje mais do qualquer outro dia, você me fez falta...
Hoje acima de qualquer coisa, desejei teu forte abraço...
Hoje desejei ultrapassar a distância e te encontrar...
Hoje precisei dos teus ombros para chorar...
Hoje! especialmente hoje!
Hoje além de todas as lembranças, só você se fez presente...
Hoje mais do que qualquer conselho, precisei do seu otimismo...
Hoje mais do qualquer luz, eu precisei do teu olhar...
Hoje mais do que um beijo, eu precisei do teu sorriso...
Hoje mais do que consolo, desejei a paz que você me traz...
Hoje mais do que palavras, desejei ouvir seu respirar...
Hoje especialmente hoje, a saudade foi tão intensa;
Que tudo o que eu precisava era olhar uma de suas fotos,
E acreditar que sua existência em minha vida, é real
e não apenas um lindo sonho!
Hoje a certeza de que você é parte de mim;
Me fez descobrir o quão preciosa é minha vida...
E o quanto sou feliz por você participar da minha história...
Hoje! simplesmente, especialmente Hoje!




Por: Tânia Vaz
Existe uma força que me faz seguir em frente...
Existe uma força que não me deixa desistir...
Essa força me acalma...
Me eleva....
Me faz sonhar...
Me faz perdoar...
Me faz pedir perdão...
Me faz ajudar...
Me dá esperanças...
Me faz amar...
Me faz cuidar...
Me faz pedir...
Me faz acreditar...
Acreditar que tudo dará certo...
Que vou conseguir...
Que vou ser feliz...
Essa força é o que me mantém...
A força que vem dos céus,
A força da fé...
A força que vem de DEUS!!!




Por:Tânia Vaz
Tento entender  a força que me liga à você...
Tento compreender o que me prende diante de ti,
quando meus olhos encontram os seus...
Eu tento fugir...
 Tento disfarçar...
 Tento me enganar...
Mas é tão difícil, é sem sentido...
Me atraí sem que eu perceba...
E de repente lá estou eu...
Novamente nos braços teus...
Atração? Desejo? Sedução?
Ou quem sabe, sentimentos misturados...
Me inflama, me encanta...
Não consigo me controlar...
É tão estranho... Tão envolvente...
Acabo entregando pouco a pouco os meus sentidos...
Não posso evitar...Pois sempre acabaremos sendo atraídos!




Por:Tânia Vaz



 O melhor amor é aquele que acorda a alma;
E nos faz querer mais;
E coloca fogo em nossos corações;
E traz paz à nossas vidas;
E foi isso que você fez comigo;
E era isso que eu queria ter feito com você para sempre!!!
Eu sou...
sentimentos que não vivi,
Sonhos que não realizei,
Amores que um dia senti.
Sou... O amor.
Encanto,
Paixão,
Sedução,

Emoção, Ilusão?

Sinto falta de...
Carinhos que não recebi,
Melodias que não ouvi,
Vida que não vivi,
De você que não conheci.
Já...
Fui magoada, magoei,
Lutei e fracassei,
Amei e fui amada,
Deixei e fui deixada.
Chorei,
Sorri.

Muitas vezes...
Chorei por uma injustiça,
Sonhei acordada,
Briguei, brinquei,
Busquei, sofri,
Encontrei, perdi também.
Eu sinto pelas...
Pessoas que não conheci,
Que magoei e fiz chorar,
Pelos lugares que não vi,
Sonhos que não sonhei,
Abraços que eu não dei,
Sinto....


Tenho saudades...
De minha infância, adolescência
Do ontem, do hoje.
Dos amigos que perdi,
Do meu anjo
Do meu eu,
Enfim, saudades assim.
Eu tenho!
Espero...
Ainda cantar, brincar,
Sentir, viver,
E através dos poemas,
Voltar a sonhar
E amar!!!


Adaptado por Tânia Vaz


Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido

Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer

Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato baby
A beleza é mesmo tão fugaz

É uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor pretensão de acontecer

Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então,
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer

Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber

Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido

Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer

Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então,
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer

Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
E eu vou sobreviver...
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber!!!
"Mas eu o conheci, e é isso que torna minha vida atual tão estranha.
Eu me apaixonei por ele enquanto estávamos juntos, e me apaixonei ainda mais nos anos em que ficamos separados.
Nossa história tem três partes: um começo, um meio e um fim. Embora seja assim que todas as histórias se desenrolam, ainda não consigo acreditar que a nossa não durará para sempre. Reflito sobre essas coisas, e como sempre, nosso tempo juntos retorna à minha mente...
Relembro como tudo começou, pois agora essas memórias são tudo o que me resta."!!! 


Apenas um "eu te quero" mudaria tudo. Mas não tenho a certeza de que mudanças seriam bem vindas agora. E não tenho a certeza se seu querer me interessaria mais... Talvez um dia, você possa descobrir que as suas suposições e teorias só eram necessárias para você mesmo... Talvez sinta o arrependimento invadir sua alma... Talvez você queira voltar no tempo... mas não haverá mais momentos para nós... Pois no momento em que eu te quis, você simplesmente disfarçou...






Amor, meu grande amor, não chegue na hora marcada
Assim como as canções, como as paixões e as palavras
Me veja nos seus olhos na minha cara lavada
E venha sem saber se sou fogo ou se sou água
Amor, meu grande amor, que chega assim bem de repente
Sem nome ou sobrenome, sem sentir o que não sente

Pois tudo o que ofereço é meu calor, meu endereço
A vida do teu filho desde o fim até o começo

Amor, meu grande amor, só dure o tempo que mereça
E quando me quiser que seja de qualquer maneira
Enquanto me tiver que eu seja o último e o primeiro
E quando eu te encontrar, meu grande amor, me reconheça

Pois tudo o que ofereço é meu calor, meu endereço
A vida do teu filho desde o fim até o começo

Amor, meu grande amor, que eu seja o último e o primeiro
E quando eu te encontrar, meu grande amor, por favor me reconheça

Pois tudo o que ofereço é meu calor, meu endereço
A vida do teu filho desde o fim até o começo...

Música lindaa.... perfeita!
Não há memória onde não apareçam
E nem lembranças em que elas não estejam
Tanto nos dias tristes e felizes
Foi com elas que eu ri e chorei..
Se estou longe as sinto por perto
Nunca ninguém vai nos separar
Elas guardam todos os meus segredos
É um tesouro a nossa amizade...
Amigas, amigas companheiras da minha vida
Amigas, com vocês eu inventei
Um mundo de carinho a dividir com vocês
Amigas as melhores que sonhei
Amigas, amigas presentes da minha vida
Amigas com vocês eu aprendi
Que juntas jamais seremos vencidas amigas
Amigas para sempre...

Amo vocês minhas preferidas!!!

Ps: Musiquinha da novela chiquititas...
Quem não se lembra?? eu me lembro.. rss

Como poderia eu, prendê-lo a mim sem tua vontade? Como poderia, pedir que me amasse?
Como poderia impedi-lo de voar, uma vez que suas asas estavam curadas?
Como iria impedi-lo de seguir seu caminho? Não! Não poderia... Pois só queria vê-lo sorrir, vê-lo feliz... Só queria vê-lo alcançar seus sonhos... alcançar o céu... as estrelas...
Como poderia eu, impedir algo tão sublime?
Como suportaria ver aqueles olhos lindos... sem brilho?
Sei mais de você, que você mesmo... Não poderia nada de mim esconder, não conseguiria...
Uma vez que me ensinastes tudo sobre ti... sobre tua alma... nua, sem segredos... pura... para mim sempre pura... 
Porque conheço seu coração... e tudo o que nele há... Não conseguiria me enganar, me afastar...
Uma vez que me mostrou também seu interior, e o que nele havia de mais escondido, de mais profundo... de mais escuro...e de mais belo... lá encontrei um alguém que ninguém conhecia...
Cheguei onde ninguém mais pôde chegar...
Com tudo... acho que agimos no momento oportuno... Para que o fim não fosse triste.... Para que as lembranças sejam sempre boas... Visto que essa foi a mais linda história que já vivi...
Quero guardar em minha memória e em meu coração todos os momentos maravilhosos e extraordinários que tive ao seu lado, que me fizeram crescer, sorrir, sonhar, viver e amar...
E pela tua felicidade, faria o que fosse preciso... farei o que for preciso...
Entendi O Amor... E aprendi a Renúncia... ='/
Mas vou seguir, como vc me ensinou... E a cada sorriso teu, a cada vitória tua .... saberei que tudo valeu a pena...
Que bom que não desperdiçamos a chance... de termos nos conhecido...
Meu sonho mais lindo... 








Por: Tânia Vaz