... Então eu o conheci; e é isso que torna minha vida atual tão completa...
Quando se encontra alguém que te permite ser quem você realmente é, sem medos e sem máscaras; 
não se pode permitir que o sentimento se perca... 
... Três primaveras se passaram, três outonos, invernos...
E tudo continua limpo e verdadeiro, como se não houvesse nada no mundo, capaz de desfazer essa história...
As vezes as pessoas entram em nossa vida com um propósito, que só descobrimos com o passar do tempo;  e foi assim que aconteceu... 
Tem gente que deixa essa sensação, de que tudo será pra sempre...  a amizade, a cumplicidade, o carinho... 
Tem gente que faz um bem, que ninguém mais faz... 
... Então eu o conheci; e é isso que torna minha vida atual tão feliz... Não consigo mais imaginar como teria sido todo esse tempo sem essa presença... 
Espero que esse sentimento que ninguém mais entende ( e não é mesmo necessário que entendam), seja cada vez mais cultivado e supere todos os altos e baixos que a vida reserva. 
... Então eu o conheci... 
E teria sido apenas mais uma história, se não tivesse me tocado a alma!


Por: Tânia Vaz

***





Eu pensei que você sairia dos meus pensamentos
E que finalmente havia achado um jeito de
Aprender a viver sem você
Pensei que seria apenas questão de tempo até ter milhares de razões, pra não pensar em você

Mas não é bem assim
E depois desse tempo todo, ainda não consigo desistir

Eu ainda tenho seu rosto
Pintado no meu coração
Rabiscado na minha alma
Gravado em minha memória, baby

E eu tenho seus beijos
Ainda queimando em meus lábios
O toque da ponta dos meus dedos
Este amor tão profundo em mim, baby

Eu tentei tudo que eu pude
Pra fazer meu coração te esquecer
Mas parece que não consigo

Eu acho que é inútil
Em cada parte de mim
Ainda há uma parte de você

E eu ainda tenho seu rosto
Pintado no meu coração
Rabiscado na minha alma
Gravado em minha memória, baby

Eu tenho seu beijo
Ainda queimando em meus lábios
O toque da ponta dos seus dedos
Este amor tão profundo em mim, baby

Eu ainda tenho seu rosto
Pintado em meu coração
Pintado em meu coração
Pintado em meu coração, baby

Alguma coisa no seu olhar continua me perseguindo
Eu tento escapar de você
E eu sei que não há como
Te afugentar de minha mente

Eu ainda tenho seu rosto
Pintado no meu coração
Rabiscado na minha alma
Gravado em minha memória, baby

Eu tenho seus beijos
Ainda queimando em meus lábios
O toque da ponta dos meus dedos
Este amor tão profundo em mim, baby

Eu ainda tenho seu rosto
Eu ainda tenho seu rosto
Pintado no meu coração
Pintado no meu coração
 O AMOR, quando se revela,
 Não se sabe revelar.
 Sabe bem olhar pra ele
 Mas não lhe sabe falar.
 
 Quem quer dizer o que sente
 Não sabe o que há de dizer.
 Fala: parece que mente...
 Cala: parece esquecer...
 
 Ah, mas se ele adivinhasse,
 Se pudesse ouvir o olhar, 
 E se um olhar lhe bastasse
 Pra saber que estou a amar,
 
 Mas quem sente muito, cala;
 Quem quer dizer quanto sente
 Fica sem alma nem fala,
 Fica só, inteiramente!
 
 Mas se isto puder contar-lhe
 O que não lhe ouso contar,
 Já não terei que falar-lhe
 Porque lhe estou a falar...



Fernando Pessoa

***


Devolva-me o que você levou... ou
Leve-me contigo: perca-se comigo....


É preciso acreditar na felicidade....




Não importa onde eu estou, de onde eu venho, mas onde eu quero e vou chegar.

 Hoje você pode estar lá em cima, mas se distrair pode cair rápido e feio.

 O que vai determinar o seu futuro é o seu sonho. É saber colocá-lo em prática.


 Ajude as pessoas a serem felizes.


Mais importante do que ter dinheiro é ter amigos.


Quando a tua vitória significa a vitória dos outros, eles vão te aplaudir no sucesso.


Não tenha piedade de si mesmo. Envolva-se, arrisque-se.


· Você está onde merece.


Perdedor: reclama, dá desculpa e acusa. Vencedor: decide, planeja e realiza.


Na hora da morte 90 % estão arrependidos da maneira como viveram.


Três coisas que as pessoas se arrependem diante da morte:


Não ter amado muito


Não ter curtido os filhos


Não ter ido à busca de seus sonhos


A vida não engana ninguém.


A felicidade é formada por coisas simples: amigos, amor, família, lealdade, respeito e dignidade.



(Blog Femme Digitale)

" Há algo em mim que não desaprende esse caminho. Que segue, quando, aparentemente, eu paro. Que continua a luzir. mesmo quando eu tropeço nas minhas sombras. Há algo em mim que me salva de mim. Que me leva pela mão para brincar. Para conhecer o que continua vivo e belo além de toda e qualquer gaiola. Além dos meus tempos de muda. Algo que me mostra uma paz intensa e verdadeira. Que não me deixa esquecer que continuo a ter asas, mesmo quando eu não voo..."


Ana Jácomo

***

Tudo está certo... no seu lugar...
Cumprindo seu destino!

=)


Todo sentimento quando é verdadeiro sobrevive ao tempo
Desta forma permanece em mim, tudo o que vivi
Fazendo pulsar forte o meu coração...
O tempo passa veloz... 
E nada muda ou se desfaz
Ainda...
Estão em meus olhos o brilho dos teus
Na minha pele ainda sinto o seu calor...
Os meus lábios guardam o seu sabor
Mas é a minha alma quem mais sente...
E nos momentos de intensa saudade,
 Clama ardentemente o nosso reencontro
Eu sei...
Vidas e mais vidas podem passar
Mas para sempre em meu coração
Esse amor vai estar...


Que o teu afeto me afetou é fato, agora faça-me um favor. Por favor...



***



(...) É sem dúvida uma sensação muito clara de que a vida escorre talvez rápida demais e, a cada momento, tudo se perde...





***



 "Odeio CircoAliásodeio tudo que me encanta e depois vai embora"...


***



Faz de mim o que um um show de rock faria. Mágico! Alucína-me...



... A vida era bem parecida com uma música. No começo há mistério,e no final confirmação...mas é no meio que reside a emoção... (A última música)

"Porque ver é permitido, mas sentir já é perigoso. Sentir aos poucos vai exigindo uma série de outras coisas, até o momento em que não se pode mais prescindir do que foi simples constatação"...



Caio F. Abreu
Por tanto amor
Por tanta emoção
A vida me fez assim
Doce ou atroz
Mansa ou feroz
Eu caçadora de mim

Presa a canções
Entregue a paixões
Que nunca tiveram fim
Vou me encontrar
Longe do meu lugar
Eu, caçadora de mim

Nada a temer senão o correr da luta
Nada a fazer senão esquecer o medo
Abrir o peito a força, numa procura
Fugir às armadilhas da mata escura

Longe se vai
Sonhando demais
Mas onde se chega assim
Vou descobrir

O que me faz sentir
Eu, caçadora de mim
Um dia frio
Um bom lugar pra ler um livro
E o pensamento lá em você
Eu sem você não vivo
Um dia triste
Toda fragilidade incide
E o pensamento lá em você
E tudo me divide...
Longe da felicidade e todas as suas luzes
Te desejo como ao ar
Mais que tudo
És manhã na natureza das flores
Mesmo por toda riqueza dos sheiks árabes
Não te esquecerei um dia
Nem um dia
Espero com a força do pensamento
Recriar a luz que me trará você
E tudo nascerá mais belo
O verde faz do azul com o amarelo
O elo com todas as cores
Pra enfeitar amores gris...
Djavan.


Deixar-te... foi o melhor que eu pude fazer naquele momento;
Embora houvesse tantas coisas a serem consideradas, eu não
poderia mais permanecer ali... 
Você tinha que seguir, e eu também... e infelizmente nossos caminhos
não mais se cruzavam... 
Foi tão difícil para mim... acredite... as palavras eram duras, mas com um vazio 
imenso em torno delas...
Queria que você estivesse bem... e feliz , afinal foi o que sempre busquei...
Hoje sinto uma saudade absurda do seu abraço, da sua voz e da cumplicidade que entre nós existia...
Uma vontade imensa de te ligar e dizer que você continua em meu coração, e que rezo por você todos os dias... 
Mas sei que nosso destino é esse... e que não posso, nem devo tentar modificá-lo!!!



Por: Tânia Vaz
De repente era amor... aquilo tudo que eu sentia;
O frio na barriga, cada vez que eu te via.
De repente era amor... aquela doce sensação,
o carinho, a ternura e o disparar do coração.
De repente era amor... aquele louco desejo;
O arrepiar da minha pele, em contato com seu beijo.
De repente era amor... o que eu chamava de amizade,
A saudade que eu sentia, mas ao teu lado, ansiedade.
De repente era amor, e eu tentava disfarçar;
a alegria explodia, quando ao teu lado podia estar.
De repente era amor... sua imagem em meu pensar,
Todas as noites te queria, e não deixava de sonhar...
De repente era amor... aquilo tudo que eu senti;

De repente era amor...
Descobri quando parti!!!


Por: Tânia Vaz

Meu primeiro texto em rima =)
 Alguém me disse um dia que para todo erro há perdão. Você também acredita nisso? Será que perdoar incondicionalmente é o melhor caminho para se resolver as contendas humanas, ou é apenas uma forma da gente justificar a nossa incapacidade de sufocar o mal que há em nós e oferecer aos outros só aquilo que temos de melhor?
Por que fazemos tanta questão de exaltar os nossos erros como um “aprendizado necessário”? Pensando assim, aos poucos a humanidade vai assumindo uma explícita falta de vergonha em agir sem pensar nas consequências. Os seres humanos saem por aí “atropelando” pessoas e sentimentos, e depois simplesmente pedem perdão e seguem suas vidas como se tudo fosse normal.
 Eu sei que errar faz parte da natureza humana, e os nossos deslizes, geralmente, são passíveis de reconsideração, mas a maldade premeditada, a meu ver, tem uma conotação muito mais grave do que um simples erro de conduta. Maldade é uma coisa que eu não consigo relevar.

Na verdade há certos pecados que talvez eu nunca consiga perdoar. Existe uma crueldade irretratável na brutalidade dos homens; nas mentiras que são levadas adiante; nos enganos oferecidos como se fossem a salvação; no pouco caso, com que alguns se referem ao nossos sentimentos; nas ilusões travestidas de falsas esperanças; nas promessas vazias que nunca irão se cumprir e nas traições engendradas para enganar as pessoas que dizemos amar.
 Juro que eu até já tentei ser uma pessoa mais evoluída, “dar a minha outra face”, “acolher os meus inimigos” e “perdoar erros imperdoáveis”, mas esses adágios beneditinos são maiores do que eu e superam todos os meus esforços em ser boazinha e tolerante com os maldosos de plantão.  
 Através dessa teoria do perdão incondicional, somos praticamente constrangidos a acreditar desde cedo que o dever de perdoar é muito mais importante do que o mandamento sagrado de jamais fazer mal a alguém.... Mas não me vejam como um rancorosa qualquer... 
 O meu coração perdoa fácil a palavra mal colocada, o julgamento precipitado, a ofensa na hora da raiva, o grito no meio da discussão, ou a incapacidade que muitos podem ter de compreender as minhas razões. O meu perdão está pronto para acolher aqueles que me atingem por ignorância, e não por mera crueldade. Uns dirão: “Mas se até Cristo perdoou”! Que Cristo me perdoe então por todas as vezes que eu não conseguir perdoar a quem me causou algum dano. É que eu sou verdadeira demais para fingir as coisas que eu sinto, e eu não consigo enganar ninguém com o meu jeito transparente de me posicionar diante da vida. Sou uma pessoa com a essência à flor da pele, e eu não permitirei jamais que a minha integridade e a minha honra sejam alvos da iniquidade de ninguém. Acho que o respeito ao próximo, deve estar sempre em primeiro lugar
Que me perdoem também aqueles a quem o perdão é conveniente ou serve de muletas, mas eu creio que a teoria do perdão incondicional é apenas uma fábula inventada para confortar os desprovidos de amor próprio e os canalhas que nos espreitam. Não sou nem um, nem outro. Trago comigo gentilezas nos bolsos e me antecipo com bom senso a qualquer tentação de fazer o mal a alguém.
 Mas, se mesmo depois de sofrer uma injustiça qualquer, a minha vontade de perdoar se fizer tão grande quanto o meu amor pelo próximo, que o meu perdão seja dado ao meu tempo, e não no tempo da leviandade de quem me prejudicou e agora quer a minha reconsideração. Na verdade, é essa tal garantia de perdão incondicional que encoraja o injusto a atentar contra os seus semelhantes.
 Enfim, não temam as minhas mágoas... No final eu sempre hei de voltar atrás. Apesar de rancorosa eu sei que existe uma certa nobreza em mim, mas o meu perdão é apenas a esmola mais chinfrim que eu posso oferecer aos pobres de espírito que trocaram o imenso valor do meu apreço, pela mais reles das moedas que é o meu pequeno e mísero dom de perdoar.!!!

Texto de Renné Venâncio, adaptado por Tânia Vaz.
Quando se vive uma história com alguém, seja ela de amor ou de amizade; 
tudo o que se espera. é que ela seja verdadeira... que seja baseada no respeito, na confiança...
Que os sentimentos sejam recíprocos...e acima de tudo, que exista lealdade...
Lealdade... uma só palavra, que significa tanto... ser leal pra mim, consiste em defender... proteger, cuidar, se importar, não mentir... 
Se existe lealdade, não existe mágoa, nem dor... Porque só se quer o bem de quem está ao nosso lado, ou esteve... Pq a lealdade deve superar a distância, as diferenças...
Saber que alguém, á quem se dedicou toda confiança, todo carinho;  toda amizade; não nos foi leal... isso cria uma decepção tão grande, uma tristeza tão profunda, que parece
que nada no mundo vai conseguir amenizar... 
Não seria necessário tecer elogios á meu respeito, pois sei que defeitos tenho muitos... 
Mas poderia, quem sabe dizer... foi alguém que me fez bem... e apenas isso bastaria...
Era pra ter sido uma história bonita,  uma amizade eterna... Não precisava acabar assim...
E agora... como acreditar? 
Pois quando se perde a confiança e o respeito... 
Perde-se tudo...
Nada mais resta... nada mais...



Por: Tânia Vaz





"Enquanto em mim ainda houver pulsação... Você vai estar contido em cada pensamento"!
A sua lembrança me dói tanto
Eu canto pra ver
Se espanto esse mal
Mas só sei dizer
Um verso banal
Fala em você
Canta você
É sempre igual

Sobrou desse nosso desencontro
Um conto de amor
Sem ponto final
Retrato sem cor
Jogado aos meus pés
E saudades fúteis
Saudades frágeis
Meros papéis


Não sei se você ainda é o mesmo
Ou se cortou os cabelos
Rasgou o que é meu
Se ainda tem saudades
E sofre como eu
Ou tudo já passou
Já tem um novo amor
Já me esqueceu...





Chico Buarque

Angel

I'm alone yeah i don't know if i can face the night
I'm in tears and the crying that i do is for you
I want your love let's break the wall between us
Don't make it tough, i'll put away my pride
Enough's enough, i've suffered and i've seen the light

Baby
You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and make it alright

Don't know what i'm gonna do about this feeling inside
Yes, it's true loneliness took me for a ride
Without your love, i'm nothing but a beggar
Without your love, a dog without a bone
What can i do, i'm sleeping in this bed alone

Baby, baby, baby

You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and make it alright
You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and take it alright
You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and make it alright
Come and save me tonight

You're the reason i live
You're the reason i die
You're the reason i give when i break down and cry
Don't need no reason why
Baby, baby, baby

You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and make it alright
You're my angel come and save me tonight
You're my angel come and take it alright
Come and save me tonight


"Acho que o que estou tentando dizer é que você está lá, em tudo o que sou, em tudo que já fiz... e hoje, olhando para trás, eu sei que eu deveria ter dito o quanto você sempre significou para mim."



"A razão por que a despedida nos dói tanto é que nossas almas estão ligadas.Talvez sempre tenham sido e sempre serão.Talvez nós tenhamos vivido mil vidas antes desta e em cada uma delas nós nos encontramos.E talvez a cada vez tenhamos sido forçados a nos separar pelos mesmos motivos.Isso significa que este adeus é ao mesmo tempo um adeus pelos últimos dez mil anos e um prelúdio do que virá."


Eu te amo, não só agora, mas sempre, e sonho com o dia em em que vai me abraçar novamente.





Nicholas Sparks